terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

PROJETO NAVE ADUBADO @ BAILE ESPLENDOR

Eis que é chegada a hora: Baile Esplendor, a sua habitual celebração da dança e elegância, está de volta. Em sua quarta edição, o evento entra no espírito da folia momesca e retorna com a missão de concretizar aquele utópico carnaval que todos desejamos sem jamais encontrar.No dia 13 de fevereiro (sábado), a partir das 23h, o Maestro Mecânico

Seu Osvaldo (foto), de 74 anos, e a jovem dupla Pamela Leme e Stephanie Fernandes, acrescentarão ímpeto folião e tropicalidade caribenha à já consagrada seleção de grandes temas orquestrados do jazz e samba. Ao palco, o grupo Projetonave executará com toques futuristas standards instrumentais latinos e jamaicanos, instaurando na Livraria da Esquina uma festa como não se via desde 1936 no circuito carnavalesco Aruba-Kingston-São Paulo.

Criado com a proposta de trazer ecos da elegância dos anos 1930 e 40 às festas atuais e de permitir aos presentes vibrante nostalgia, o Baile Esplendor tem se consagrado por renovar conceitos de diversão por meio da música. O acolhimento da proposta é imediato. Nas três edições realizadas, em maio, agosto e novembro de 2009, não apenas houve casa cheia, como o público encampou a ideia e caprichou no garbo.

Seu Osvaldo, presente nos dois últimos bailes, traz novamente suacoleção de vinis de big bands, mambos e sambas dos grandes cantores da Era do Rádio. Ele começou a discotecar nos anos 50, quando rodava em suas vitrolas a chamada Orquestra Invisível – formada por Frank Sinatra, Glenn Miller, Benny Goodman e outros expoentes da música americana. As discotecárias Pamela e Stephanie prometem não deixar a festa esfriar com set de neo-swing, marchinhas, jazz latino, ska e calypso.

Grupo do ABC paulista com uma história de 12 anos de apresentações nas principais casas de São Paulo, o Projetonave se transforma em uma orquestra espacial no projeto Adubado. Revisitando temas clássicos da música latina e caribenha, a formação tradicional de big band – sopros, guitarra, baixo acústico e bateria – é turbinada por maquininhas ninjas como Kaos Pads, sintetizadores, samplers e por muito turntablism.

Nas mãos de Akilez (voz, escaleta e samplers), Daniel Gralha (voz, trompete, escaleta e sinterizadores), Marcopablo (guitarra), Alex Dias (contrabaixo), Flavio Lazzarin (bateria, programações, spd-20) e DJ B8 (picapes, Kaos Pads) temas dançantes de nomes como Augustus Pablo, Tito Puente, Skatalites e Arturo Sandoval recebem tratamento contemporâneo e experimental que poderia ser definido como dub latin jazz.

Para estimular a galhardia, a gerência do Esplendor volta a recompensar o público trajado com esmero com dois drinques preparados especialmente para a ocasião: Bahama Mama (frutas tropicais, rum e malibu) e a especialíssima Marguerita de kiwi.

Portanto, nutra seu espírito carnavalesco sem freios: há Baile Esplendor.

Baile Esplendor: Quando os ponteiros se encontram à meia-noite
Show: Projetonave Adubado
Discotecárias: Pamela Leme (Agência Alavanca) e Stephanie Fernandes
Participação especial: Seu Osvaldo, primeiro disque-jóquei do Brasil
Quando: Sábado, 13 de fevereiro, a partir das 23h
Onde: Livraria da Esquina “A” – Rua do Bosque, 1.254 – Barra Funda – São Paulo, SP
Quanto: R$ 20 (porta) e R$ 15 (lista: esplendor@alavanca.art.br)
Censura: 18 anos
Estacionamento: Conveniado (R$ 10)
Telefone: (11) 3392-3089
DEIXE SEU COMENTÁRIO AQUI NO SITE

DISQUS NO FYADUB | FYASHOP

O FYADUB | FYASHOP disponibiliza este espaço para comentários e discussões das publicações apresentadas neste espaço. Por favor respeite e siga o bom senso para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas... PS. DEUS ESTÁ VENDO!