quarta-feira, 3 de março de 2010

FREE DOWNLOAD - BiD - BAMBAS & BIRITAS VOL. 1


Muita gente conhece o trabalho do multi-instrumentista, compositor, DJ, arranjador e produtor musical BiD sem nunca ter escutado seu nome. Notavelmente discreto, vem registrando sua marca e sonoridade desde 1985, em discos, bandas e festas que, contrariando seu perfil reservado, são reconhecidos internacionalmente.

Mais lembrado pela produção musical de Afrociberdelia e CSNZ (discos de ouro de Chico Science & Nação Zumbi), BiD produziu vários discos brasileiros e internacionais, gravou álbuns autorais e fez diversos remixes para grandes artistas brasileiros, entre eles, Tribalistas, Jorge Benjor e Planet Hemp.

BiD morou em Los Angeles, onde passou seis anos, tocou em diferentes bandas e trabalhou dois anos na gravadora Capitol Records. Nas horas vagas, iniciava suas pesquisas musicais e ampliava sua coleção de discos de vinyl. Voltou para o Brasil em 1993.

Compôs e produziu trilhas cinematográficas como “O Primeiro Dia”, de Walter Salles Jr. e fez a trilha sonora do filme “Chega de Saudade”, da premiada diretora Lais Bodanzky (“Bicho de Sete Cabeças”). Esse trabalho rendeu o prêmio de melhor trilha sonora do 3º Festival Contigo de Cinema realizado em agosto de 2008.

Fez também trilhas para os documentários “São Paulo - Retratos do Mundo” de Flavio Frederico e “O Avesso da Bossa” de Rogerio Gallo, onde criou encontros musicais inéditos como Gil e Chico César, Jorge Benjor e Carlinhos Brown, Naná Vasconcelos com Nação Zumbi e Otto e Lenine com Fernanda Abreu e Pedro Luis e a Parede.

Produziu jingles e spots para marcas famosas como Guaraná, IBM, LG, Greenpeace, Casas Pernabucanas, Gillete entre outros.

Para televisão, criou o tema de abertura do seriado “Mothern” além da criação e produção dos temas e vinhetas do Grammy Latino transmitido pela TV Bandeirantes e a trilha sonora original da minissérie “Diadorim e Riobaldo”, de Guimarães Rosa, trasmitido pela TV Record no especial de fim de ano, ambos em 2008.

Como DJ participou de vários eventos e festas, incluindo o festival Rec Beat (Recife), onde tocou para 8.000 pessoas e a festa do Greenpeace e ONGs mundias de proteção ao meio ambiente realizada em Amsterdam (Holanda). Com a “Soulcity:Fiesta”, promoveu inúmeras festas itinerantes na noite de São Paulo, antecipando os movimentos de samba-rock e música jamaicana.

Depois de Afrociberdelia com Chico Science, diversos trabalhos de produção musical e parcerias de destaque surgiram: Seu Jorge, D2, Rappin’ Hood, Mundo Livre S/A, Marina Lima, Arnaldo Antunes, Fernanda Abreu, Daúde, Otto, Mariana Aydar, entre outros. Afrociberdelia correu o mundo, e o trabalho de seu produtor também: BiD foi chamado para fazer os dois álbuns da banda pop chilena Chancho en Piedra (ambos discos de platina) e o CD Manual Prático de uma Vida Banal, da banda portuguesa de hip hop Da Weasel, outro disco de platina.

Paralelamente a todos esses trabalhos, BiD também criou ainda os projetos Cine:lândia (uma jam session sonoro-visual fazendo trilhas sonoras ao vivo para os filmes projetados no telão), formou a Suba Dream Band (um tributo ao falecido produtor Suba) e a concorrida Soulcity:Fiesta (uma festa da noite paulistana semanal com BiD nos toca discos e musicos fazendo jam session com os beats saindo dos Lp’s - inédito na época).

Em 1998 formou a big band Funk Como Le Gusta. Com 13 músicos e dez anos de carreira, a banda atingiu destaque internacional, participando de festivais como o extinto Free Jazz e o concorrido Rec Beat. Suas músicas vem sendo tocadas em rádios estrangeiras e estão presentes em 20 coletâneas na Europa, USA e Japao.

BiD se desligou da big band FCLG em 2005 e partiu em carreira solo com o disco “Bambas & Biritas vol. 1” lançado na Europa, Japão e no Brasil. Com 11 músicas inéditas compostas por BiD e seus parceiros Seu Jorge, Elza Soares, Arnaldo Antunes, Carlos Dafé, Black Alien, Rappin Hood e Iara Rennó, entre outros - que também participam do CD - o disco tráz também uma faixa inédita com Chico Science. BiD concorreu ao melhor clipe MPB no MTV Video Music Brasil de 2005 com a faixa “Mandingueira”, na voz de Elza Soares e também no prêmio Tim, no mesmo ano, na categoria de melhor disco de música eletrônica.

Suas última aventuras em estúdio foram as produções do novo disco de Chico César e o CD de estréia da cantora paulista Verônica Ferriani, da Gafieira São Paulo.



BAMBAS & BIRITAS

Como o nome sugere, Bambas & Biritas Vol.1 foi feito à brasileira - sem pressa, entre bons tragos e ao lado de amigos e parceiros de peso. Lançado em 2005, o disco levou quatro anos para ser concebido e gravado, período no qual o produtor e músico BiD ainda fazia parte da Big-Band Funk Como Le Gusta. Enquanto gravava e produzia o segundo CD "FCLG" da banda, o último com a presença do BiD, ele aproveitava as horas livres para terminar o seu primeiro trabalho solo.

Bambas & Biritas Vol.1 foi lançado na Europa, Japão e no Brasil, sendo que na edição especial do CD foram incluídos ainda remixes de: Dj Marcelinho Dalua, Instituto, Dj Periférico, Drumagick e Dj Soul Slinger.

Entre os convidados mais que especiais, estão: Elza Soares, Seu Jorge, Rappin' Hood, Arnaldo Antunes, Black Alien, Carlos Dafé, Dasez Scott (USA), Rocco Bid (baterista consolidado em Los Angeles e irmão de BiD), Serginho Carvalho (baixo), Tiquinho, Hugo Hori, Kuki Stolarski, Sérgio Bartollo, James Müller e Kito Siqueira (do FCLG), Bactéria (Mundo Livre S/A), Lucio Maia (Nação Zumbi), Ganjaman (Instituto), Dj Nuts, Dj Soul Slinger, Bocato e Marku Ribas, entre muitos outros, somando ao todo 56 músicos.

Da música "Mandingueira" (parceria de BiD com Walmir Gil e Iara Rennó, na voz de Elza Soares) foi produzido um clip com direção de Mariana Jorge (Cafuné Filmes) onde Seu Jorge, Fernanda Lima e BiD contracenavam em um casebre no interior de São Paulo. O vídeo chegou a concorrer no prêmio MTV Video Music Brasil, na categoria Melhor Clip de Música Brasileira.

Em maio de 2006, BiD se apresentou no Auditório do Ibirapuera (SP) com sua banda e convidados especias. Os shows foram filmados e gravados, e em breve, o DVD estará nas lojas (uma produção Soul City/ Bossa Nova Films/ Copacabana Filmes).

O resultado dessa união, nas palavras do também contribuinte DJ Soul Slinger (Liquid Sky/NY):
"É um disco atemporal, que já se tornou um clássico da atual música brasileira".

Para fazer o download do disco Bambas & Biritas, clique aqui.

PodCity - Hip Hop (Parte 1) - download, clique aqui.
PodCity - Hip Hop (Parte 2) - download, clique aqui.
DEIXE SEU COMENTÁRIO AQUI NO SITE

DISQUS NO FYADUB | FYASHOP

O FYADUB | FYASHOP disponibiliza este espaço para comentários e discussões das publicações apresentadas neste espaço. Por favor respeite e siga o bom senso para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas... PS. DEUS ESTÁ VENDO!