Pesquisa no FYADUB | FYASHOP

domingo, 28 de agosto de 2011

ZACK DE LA ROCHA FEAT. KRS-ONE & THE LAST EMPEROR :: C.I.A. (CRIMINAL IN ACTION) [TRADUÇÃO]

Zack De La Rocha, KRS-One e Last Emperor, bom... é monstro PEIIII. Depois me diz o que achou da música pelo e mail fyadub@yahoo.com.br



ZACK DE LA ROCHA FEAT. KRS-ONE & THE LAST EMPEROR
C.I.A. (Criminals In Action)

[KRS-One]
Yea yea yea yea yea!
KRS-One comin through, Big Zack, Last Emperor
[KRS-One chegando junto, Big Zack, Last Emperor]
WOOP WOOP! Ha hah, that's the sound of EMS
[Woop Woop! Ha hah, esse é dom do EMS]
Ha hah, Last Emperor, KRS
[Ha Hah, Last Emperor, KRS]
Ha hah, Big Zack you know the rest
[Ha hah, Big Zack você sabe o resto]
Now we gonna come down like this now, hold tight all crew
[Agora a gente chega desse jeito agora, segurem firme toda a posse]
LISTEN!!
[Ouça!!]

[Zack de la Rocha]
This voice shatters the calm of the day, like an alarm
[Essa voz abala a calma do dia, como um alarme]
To wake up badder youth, and take up arms
[Para acordar os jovens maus, e pegar em armas]
Cause more is necessary than vocabulary war
[Porque é necessário mais que uma guerra vocabularia]
Cause the toxic rock imports, gettin on your door
[Porque a importação de tóxicos pesados, fica bem na sua porta]
C.I.A. I see ya later, cause your time is comin soon
[C.I.A. eu te vejo depois, porque o seu tempo chega logo]
I flip the shit like, Pacino and it's your Dog Day Afternoon
[Eu jogo a merda tipo, Pacino e seu Um Dia de Cão]
Attica Attica, drug agents your bring your static-a
[ÁTica Ática, agentes de drogas trazendo a sua estática]
My alphabet will slash that neck and flip you, automatica
[Meu alfabeto vai quebrar aquele pescoço e girar você, automática]
Dramatic, like Ali Shaheed Muhammed brought the vibe
[Dramatica, como Ali Shaheed Muhammed trouxe a vibe]
I bring the sun at Red Dawn to pull the thoughts of Franz Fanon
[Eu trago o sol no Red Dawn para puxar os pensamentos de Franz Fanon]
So stand at attention, devil dirge
[Então em posição de sentido, funeral maligno]
You never survive choosin sides against the wretched of the earth
[Você nunca sobrevive escolhendo lados contra os miseráveis da terra]
The infiltrator, tribe intoxicator, people incarcerator
[O infiltrador, intoxicador da tribo, encarcerador de pessoas]
Liberation movement annihilator
[Aniquilador de movimento de libertação]
We got you clocked pushin rocks and it fail
[Pegamos você empurrando rochas e cronometrando a queda]

We got brothers troopin subways like the Ho Chi Minh trail
[Nós temos irmãos mititando nos metros como a trilha de Ho Chi Minh]
We got the truth data, Last Emperor, KRS and
[Nós temos dados verdadeiros, Last Emperor, KRS e]
history manifested, tomorrow next lesson
[história manifestada, amanha a próxima lição]

YOU CLAIM I'M SELLIN CRACK, BUT YOU BE DOIN THAT
[VOCÊ AFIRMA QUE EU VENDO CRACK, MAS VOCÊ É QUE FAZ ISSO]
"You, claim, you claim, you, you claim, claim
["Você, afiram, você afirma, você, você afirma, afirma]
You, claim I'm sellin crack, but you be doin that" --> KRS
[Você, afirma que eu vendo crack, mas você é que faz isso"--> KRS]
[Zach] You know the cops they got a network for the toxic rock
[Você tá ligado que a policia começou uma rede pedras tóxicas]
YOU CLAIM I'M SELLIN CRACK, BUT YOU BE DOIN THAT
[VOCÊ AFIRMA QUE EU VENDO CRACK, MAS VOCÊ É QUE FAZ ISSO]
"So get that flashlight out of my face" -> Big L
["Então tira essa luz da minha cara"-> Big L]
"You, you, you claim I'm sellin crack, but you be doin that" --> KRS
["Você, você, você afirma que eu vendo crack, mas você é quem faz isso"--KRS]
[KRS] The Last Emperor, KRS-One, and Big Zack
[The Last Empereror, KRS-One e Big Zack]

[The Last Emperor]
As free market capitalism and technology expands
[Como o capitalismo de livre mercado e da tecnologia se expande]
The third world's fertile soil becomes a desert wasteland
[O solo fértil do terceiro mundo se transforma num deserto]
So it takes bands to, demand the, government provide answers
[Então toma as bandas para, a demanda, o governo dar respostas]
when Lady Liberty has me Bewitched like Samantha
[quando a Dama da Liberdade vem pra mim como uma bruxa tipo Samantha]
And poverty is one of the most malignant forms of cancer
[E a pobreza é uma das formas mais malignas do câncer]
to all my Black Magic romancers and acid rain dancers
[para todos os meu romances de Magia Negra e dançarinos de chuva ácida]
Develop close ties like Jerry Seinfeld and George Costanza
[Desenvolvem laços estreitos como Jerry Seinfeld e George Constanza]
We fear no man and throw jams that attack counter intelligence programs
[Não temos nenhum homem e jogamos congestionamento contra programas de inteligência]
Exciting like the epic adventures of Conan (hah!)
[Excitante como as aventuras épicas do Conan (hah!)]
I colonize minds like Zaire by the Belgians
[Eu colonizo mentes como Zaire pelos Belgas]
Now what the hell is the problem with this system and what it sells us
[Agora qual o inferno do problema com o sistema e o que ele nos vende]
I bring ancient relics like Wyclef did to Zealots
[Eu trago relíquias ancientes como Wyclef fez com Zealots]
I saw an Iron Curtain called hip-hop and got it open like Boris Yeltsin
[Eu vi uma Cortina de Ferro chamada Hip Hop e começou aberta como Boris Yeltsin]
Whirlwind, tornadoes, in the rain forest if you say so (whosssshhh)
[Turbilhões, tornados, na chuva florestal se você diz isso (whosssshhh)]
KRS and The Last Emperor like the Green Hornet and Kato
[KRS e The Last Emperor como o Besouro Verde e Kato]
Zach de la Rocha brings the enraged flow, but all three drop science
[Zach de La Rocha traz o flow enfurecido, mas todos os três despejam ciência]
and become the most powerful alliance since NATO
[e se tornam a mais poderoso aliança desde NATO]

YOU CLAIM I'M SELLIN CRACK, BUT YOU BE DOIN THAT
[VOCÊ AFIRMA QUE EU VENDO CRACK, MAS VOCÊ É QUE FAZ ISSO]
"You, claim I'm sellin crack, but you be doin that" --> KRS
[Você, afirma que eu vendo crack, mas você é que faz isso"--> KRS]
YOU CLAIM I'M SELLIN CRACK, BUT YOU BE DOIN THAT
[VOCÊ AFIRMA QUE EU VENDO CRACK, MAS VOCÊ É QUE FAZ ISSO]
[Zach] You know the cops they got a network for the toxic rock
[Você tá ligado que a policia começou uma rede pedras tóxicas]
YOU CLAIM I'M SELLIN CRACK, BUT YOU BE DOIN THAT
[VOCÊ AFIRMA QUE EU VENDO CRACK, MAS VOCÊ É QUE FAZ ISSO]
"So get that flashlight out of my face" -> Big L
["Então tira essa luz da minha cara"-> Big L]
YOU CLAIM I'M SELLIN CRACK, BUT YOU BE DOIN THAT
[VOCÊ AFIRMA QUE EU VENDO CRACK, MAS VOCÊ É QUE FAZ ISSO]
[KRS] The Last Emperor, KRS-One, and Big Zack
[The Last Empereror, KRS-One e Big Zack]

[KRS-One]
Need I say the C.I.A. be Criminals In Action
[Eu preciso dizer que C.I.A são Criminosos Em Ação]
Cocaine crack unpackin, high surveillance trackin
[Cocaína e crack desempacotada, rastreamento de alta vigilância]
Prominant blacks and whites givin orders for mass slaughters
[Pretos proeminentes e brancos dando ordens para o abate em massa]
I want all my daughters to be like Maxine Waters
[Quero que todas minhas filhas sejam como Maxine Waters]
When they flooded the streets with crack cocaine
[Quando eles inundaram as ruas com crack e cocaina
I was like Noah, now they lower cause the whole cold war is over
[Eu era como Noé, agora a causa abaixa com toda a guerra fria acabada]
Communism fell to the dollars you were grabbin it
[Comunismo caiu com os dolares que estavam segurando ele]
All the assault and batterin in the name of intelligence gatherin?
[Todo o assalto e espancamento em nome da inteligência?]
Now it's karma you battlin, a losin fight
[Agora é karma você batalhar, uma luta perdida]
I chose the mic to recite ignite light in the night, aight?
[Eu escolhi o microfone para recitar a luz acendendo a noite, certo?]
We should beat em, President Clinton should delete em
[Deveríamos bater nos, Presidente Clinton deveria exclui-los]
it's not hard, the C.I.A. simply has no more job
[Não é dificil, a C.I.A. simplesmente não tem mais trampo]
Oh my Goddess, mother, you can fix this
[Oh meu Deus, mãe, você conserta isso]
We rock over mixes not six six sixes
[A gente arrebenta sobre mixes, não seis seis seis]
Yo this is, the message, to all that can hear it
[Yo esta é, a mensagem, para todos que podem ouvi-la]
If you got secret information now's the time to share it
[Se você tem informação secreta agora é tempo de dividi-la]
Call your Congresswoman, your senator, your mayor
[Chama sua Congressita, seu Senador, seu Prefeito]
It's time for all the scholars to unite with all the players
[É tempo de todos os estudiosos se unirem com todos os jogadores]
Rearrangin, see times are definitely changin G
[Rearranjando, veja o tempo definitivamente mudando G]
They used to tap the phone, now they tappin while you pagin me
[Eles costumavam rastrear o telefone, agora eles rastreiam enquanto você me bipa]
It's crazy B, yet it's plain to see, who the enemy
[É loucura B, mas é fácil de ver, quem é o inimigo]
Who's left the NRA? The ATF, the AMA?
[Quem deixou o NRA? A ATF, o AMA?
Okay okay, it's all irrelevant, cause in the new millenium
[Okay, Okay, tudo é irrelevante, porque no novo milênio]
there'll be no Central Intelligence
[não vai ter Central de Inteligência]

Uh, yea, uh, yea
Throw your hands up
[Levanta suas mãos]
You know whassup kid, throw your hands up
[Você tá ligado, levanta suas mãos]
Ha hah yeah, hah hah, yeah

PROFISSÃO MÚSICO



Neste mundo pós-revolução MP3, onde o download acabou com as velhas e enferrujadas estruturas das grandes gravadoras, músicos desconhecidos estão conseguindo levar sua arte à lugares onde era impossível chegar até então.

O Projeto CCOMA e o cineasta colombiano Daniel Vargas, produziram este média metragem (45 minutos) entre outubro de 2009 e dezembro de 2010 com imagens realizadas no Brasil, Uruguai, Colômbia, Alemanha e Grécia e conta com depoimentos de músicos de rua da França e Inglaterra, Djs como Anderson Noise e Ravin, músicos como Edgar Scandurra, Fernando Catatau, Naná Vasconcelos, e Pedra Branca.

O filme acontece através da perspectiva do Projeto CCOMA, com a câmera na mão, perguntando aos outros músicos, DJs e produtores, como eles fazem sua vida e como levam sua profissão.

Agora, não basta só tocar. A profissão de músico mudou muito nos últimos anos. A internet trouxe o artista para perto do público e vice-versa, não importando mais se este músico vive em Londres ou no interior das montanhas do Sul do Brasil. O Faça Você Mesmo (DYI) é a forma revisitada para fazer-se conhecido num mundo digital.



FREE DOWNLOAD - SOUNDTRACK PROFISSÃO MÚSICO



INCOMING JAZZ
Download:
clique aqui




DAS CCOMA PROJEKT
Download:
clique aqui

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

FYASHOP - SKATALITES, DON DRUMMOND, BABA BROOKS, JIMMY CLIFF, LORD TANAMO, ROLAND ALPHONSO...

Segue abaixo alguns dos títulos a venda pelo FYASHOP, o catálogo completo pode ser visto pelo link http://lista.mercadolivre.com.br/_CustId_44458595.

7INCH - DON DRUMMOND & SKATALITES - STREET CORNER/ R$ 20
http://youtu.be/rG3s-GeQB5I

7INCH - SKATALITES - GHOST TOWN/ R$ 20
http://youtu.be/e3l_f-6YE9A

7INCH - SKATALITES - LAWLESS STREET/ R$ 20
http://youtu.be/no2zVLBLW3Q

7INCH - SKATALITES - CHINATOWN/ R$ 20
http://youtu.be/ilysv097ezQ

7INCH - SKATALITES - BLACK JOE/ R$ 20
http://youtu.be/RwnqZnySYe4

7INCH - SKATALITES - WHAT A SKANDAL/ R$ 20
http://youtu.be/42K8rjhXR58

7INCH - BABA BROOKS - GIRLS TOWN SKA/ R$ 20
http://youtu.be/jJKRIQmW9tI

7INCH - JIMMY CLIFF - ONE EYE JACK/ R$ 20
http://youtu.be/DvUxNaadOek

7INCH - LORD TANAMO - I HAVE A DREAM/ R$ 20
http://youtu.be/TKG7CIe7sJY

7INCH - ROLAND ALPHONSO - JAZZ SKA/ R$ 20
http://youtu.be/HJBAt5SX1Eo

7INCH - ROLAND ALPHONSO - SHUFFLE DUCK/ R$ 20
http://youtu.be/25UkYnsngLY

7INCH - SKATALITES - SURFTIDE SEVEN IN A MELLOW MOOD/ R$ 20
http://youtu.be/5FoNhcrFnKE

7INCH - DON DRUMMOND - A WAY FROM IT ALL/ R$ 20
http://youtu.be/tpaNdGCEusw


> Para comprar basta enviar e mail para fyadub@yahoo.com.br
> Compras via depósito no Banco do Brasil ou Payal tem desconto de 5%
> Frete até 3 lp's por 10,00 reais via PAC (SP/RJ/MG), quantidade acima de 3 discos o frete é gratuito. Outras regiões consulte pelo e mail fyadub@yahoo.com.br
> Catálogo agora fica hospedado no Mercado Livre: http://lista.mercadolivre.com.br/_CustId_44458595
> Aceitamos Depósito no Banco do Brasil ou Paypal.
> Parcelamento em até 12x no cartão de crédito pelo Mercado Livre.
> Envio em até 3 dias úteis.
> Se você tiver discos para vender, envie-nos seu catálogo com artista/título/selo/valor.
> Tire todas as dúvidas pelo e mail fyadub@yahoo.com.br

domingo, 21 de agosto de 2011

FYASHOP - DON DRUMMOND - STREET CORNER - 7INCH - SKA ESSENCIAL

DON DRUMMOND

O mestre do trombone Don Drummond estava dentre as principais figuras na evolução do ska – um dos membros fundadores do legendário grupo Skatalites, ele foi um dos compositores mais produtivos de sua época, teve mais de 300 composições creditadas em sua breve carreira antes de terminar em uma tragédia. Um dos ícones do nascimento do ska, Drummond foi abençoado e se tornou uma lenda na Jamaica com seu jazz progressivo. Don Drummond foi um dos professores da Alpha Boys School, um dos maiores centros formadores de músicos de Kingston, foi mentor de grandes nomes como Tommy McCook, Rico Rodriguez, Vernon Muller, Joe Harriot e Vicent Gordon. Deu inicio a sua carreira de músico em 1956, suas primeiras produções, foram cuts gravados especialmente para tocar nos sound systems. Por volta de 1959, essas gravações começaram a ter um propósito mais comercial na Jamaica e na Inglaterra. O resultado, a estrela de Drummond começou a brilhar cada vez mais, e com a direção do famigerado Coxsone Dodd, ele compôs e arranjou centenas de clássicos do ska tanto para o Studio One como para o estúdio Treaseure Island.

A genialidade de Drummond, não chegava sem um preço, notoriamente um homem excêntrico, ele sofreu de uma depressão maníaca, ele ganhou um apelido de Dodd, “Don Cosmic”, era um gênio que não viveu muito. Quando o diretor musical do Studio One, Jackie Mittoo falava a respeito da produção do Skatalites em 1964, ele não exitou em trazer Don Drummond para se juntar ao grupo, e ele rapidamente emergiu como uma liderança criativa e espiritual entre eles. A fase de ouro da música jamaicana foi na era do Skatalites, com uma influencia que até hoje é incalculável. Seu lançamento em 1964, com o autentico ska dominou a Jamaica, e Drummond liderava as sessões com todos os principais artistas da ilha, ele deu um Big UP no inicio de carreira de vários artistas como Delroy Wilson, The Wailers, Lee “Scratch” Perry e Ken Boothe.

A música “Man In The Street” deixou o Skatalites no Top Ten no Reino Unido no final de 1964, e um ano depois a adaptação da música tema do filme “The Guns of Navarone” novamente entrou para o Top Tem, mas, o Skatalites perdia o músico, com sua demissão do grupo, e assim veio sua decadência. Em meados de 1965 ele foi preso pelo assassinato de sua namorada, a dançarina Marguerita Mahfood. O corpo foi encontrado em sua casa, depois de uma breve investigação, Drummond alegou insanidade, e ficou preso por tempo indeterminado no Bellevue Hospital. Ele morreu em 6 de maio de 1969, com 37 anos. Embora, a causa da morte oficial seja suicídio, não aconteceu uma autopsia oficial, e os rumores de sua morte não ter sido suicídio . Apesar de tudo isso, a verdade é que sua morte marcou o fim de uma era, mas sua influencia continua e vai continuar por muitos anos ainda.





DON DRUMMOND - STREET CORNER - 7INCH

TRACKLIST:
LADO A - DON DRUMMOND - STREET CORNER
LADO B - GLORIA & DREAMLETS - REALLY NOW
SELO - TREASURE ISLE

Preço: R$ 20,00


***


:: FYASHOP ::


> Para comprar basta enviar e mail para fyadub@yahoo.com.br
> Compras via depósito no Banco do Brasil ou Payal tem desconto de 5%
> Frete até 3 lp's por 10,00 reais via PAC (SP/RJ/MG), quantidade acima de 3 discos o frete é gratuito. Outras regiões consulte pelo e mail fyadub@yahoo.com.br
> Catálogo agora fica hospedado no Mercado Livre: http://lista.mercadolivre.com.br/_CustId_44458595
> Link para o single: http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-198206853-don-drummond-skatalites-street-corner-7inch-fyashop-_JM
> Aceitamos Depósito no Banco do Brasil ou Paypal.
> Parcelamento em até 12x no cartão de crédito pelo Mercado Livre.
> Envio em até 3 dias úteis.
> Tire todas as dúvidas pelo e mail fyadub@yahoo.com.br

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

CLIPE OFICIAL DO FUNK BUIA - "HIPNOSE" DO ALBUM A SER LANÇADO "VERDADEIRO TEM KI SER"


Clip realizado por Coletivo Filmes e da Bolha Produções.

Funk Buia membro do grupo Z'Africa Brasil, musico, compositor e interprete monstro (rssss). Adquiriu toda sua cultura e seu flow nos becos e vielas da vida. Faz do samba seu forte influencia muita em sua levada. Um dos rudeboys mais conhecidos no cenario Dance Hall brasileiro, com sua fala rouca conquistou e conquista muitos seu espaço na musica (rrrrrrrrrraaaaaaa). Pei

Funk Buia começou sua careira en samba com seu 1o grupo Vicio Nacional onde espandiu seu universo musical, encontrando nessas passadas o grupo ZAfrica BRasil em meados de 1997, participando de uma musica chamada OUÇAM A FUSAO, conquistou seu territorio e se encontra firme e forte como integrante do ZAFRICA BRASIL...Hoje com mais de quinze participacoes com outros grupos e artistas solo: Renegado (MG), Natiruts, SPFunk, Digital Dubs, Zeca Baleiro, Rappin Hood, Cla Nordestino (MA), Afro Reggae (RJ), Intituto (SP), Jackson (RS), Iara Rennon, RZO, BID (Bamba e Biritas vol.1), Zeca Baleiro, Codigo Fatal, Ex 7 Velas... assim sucessivamente...(PEI). Agora em breve estreiando seu disco solo VERDADEIRO TEM KI SER, sem mais...vaivaivaivai....Taca Fogo.

Acompanhe a página do Funk Buia no Facebook: http://www.facebook.com/pages/Funk-Buia/124735710948518


sexta-feira, 12 de agosto de 2011

REGGAE: THE STORY OF JAMAICAN MUSIC

Ritmos jamaicanos tiveram uma influência profunda sobre a música tradicional e da cultura ocidental. Através da pura força de sua personalidade, a música reggae conquistou o mundo e balançou sucessivas gerações - tudo em seus próprios termos.

Publicado para marcar o 40 º aniversário da independência da Jamaica, e acompanha uma série nova e importante para a BBC2, Reggae: The Story Of Jamaican Music testemunha a durabilidade do movimento reggae ao longo dos últimos 40 anos, acompanhando o tráfego constante humano e cultural entre Kingston , Londres e os EUA. Autor, Lloyd Bradley, destaca a história social e política de um povo recém-independente e seus irmãos e irmãs deslocadas na Grã-Bretanha e na América, através da expressão de sua forma maior de arte, a música reggae.

Através de entrevistas gravadas recentemente Bradley conta as histórias das grandes figuras no desenvolvimento do reggae, do Prince Buster e Dodd Coxsone, através de Bob Marley e mais recentemente Sly, Robbie e Shabba Ranks. Ele também presta homenagem aos produtores, DJs e fãs, revelando que, acima de tudo, é o espírito indomável da Jamaica que tem impulsionado o desenvolvimento da música, do ska ao reggae e da música dancehall de hoje.

A vibração desse espírito se expressa também em mais de 50 novas fotografias deslumbrantes por Dennis Morris, com lendas do reggae, as ruas da Jamaica e da energia bruta do dancehall. Com 60 imagens tiradas a partir de 40 anos de música jamaicana, incluindo muitos deextenso arquivo de Dennis, Reggae: A história da música jamaicana é uma verdadeira celebração de um país e sua música inspiradora.

Lloyd Bradley é o autor do aclamado Bass Culture. Jornalista musical experiente, ele contribui para muitas revistas e jornais, incluindo Q, Mojo, The Guardian e Daily Telegraph. Renomado fotógrafo, Dennis Morris, tem vindo a cobrir a cena musical desde 1970.Seus livros anteriores incluem Bob Marley: A Vida Rebelde e Sex Pistols, um registro fotográfico.




FREE DOWNLOAD - MIXTAPE - ELAS SÃO 13

Mixtape "Elas São 13"!!! Só mulherada nervosa inna dancehall style!



Mixtape ''Elas São 13!'' (2011) by Jimmy aka Mr Rex

É inegável que as mulheres cada vez mais ganham espaço em vários setores da sociedade. E na música não é diferente. Jimmy Luv, um dos pioneiros na cena ragga do Brasil, analisando como andam as cenas mais underground através de festas e movimentações pelas redes sociais (como rap e ragga) resolveu fazer uma mixtape só com MCs e cantoras que atuam nessas cenas.

Para tal, convidou 13 "amigas" para gravar no seu estúdio Sala do Rex (em São Paulo) uma faixa no estilo dancehall. Todas as músicas seguem essa tendência do ragga/dancehall que tem dominado as pistas das grandes festas pelas capitais nacionais. Participam da Mixtape "Elas São 13!" as cantoras Lei di Dai, Livia Cruz, MC Gra, Karol de Souza, Suppa Flá, Mis Ivy, Nathy MC, Luana Jones, Bebel du Gueto, Poetiza, Pamelloza, Yasmine e Alina. São diversos assuntos do ponto de vista feminino. Tem letra consciente, letra de festa, letra sobre relacionamentos... Cada faixa é especial. Cada faixa é puro fya!

Depois de quase 1 ano idealizando e produzindo essa mixtape, Jimmy finalmente pode soltar pra todos e todas o resultado final dessa empreitada.

Escute e dance!

Download faixas separadas: clique aqui

domingo, 7 de agosto de 2011

S.R.D. [SEM RAÇA DEFINIDA] @ MATILHA CULTURAL



O FYADUB RECOMENDA...

MatilhaCultural convida ---> S.D.R. (sem raça definida) - Primeiro ato será na terça 9/8, com intervenção artística ao vivo de Schiavon, Maroca e MZK, nas paredes da galeria, e ao som dos djs Zinco e Soares e do trio Marginals + mcs convidados. Não perca. O projeto conta com uma série de atividades - além das pinturas ao vivo, em que o público poderá ver os artistas trabalhando com diferentes técnicas, oficinas e shows com fortes nomes do hip hop brasileiro. Na sexta, é a vez de Bitão, Tinho e Priscila Príncipe colocarem suas idéias nas paredes, fechando a série de intervenções no sábado, com Markone e Camila Cardoso. No sábado, primeiro show do projeto com Sombra e Buia, mandando o conhecimento adquirido pelos microfones, enquanto os djs Jam Jam e Paxson marcam a batida. No sábado, 23/8, é a vez dos djs acompanharem Sandrão e Mr. Bomba, além de todos poderem conferir Potencial 3. A partir da segunda semana, uma série de oficinas para quem quiser conhecer uma nova atividade . rima/ grafite / dança / biscuit. O resultado das pinturas ao vivo poderá ser visto até o dia 27/8 nas paredes da galeria da Matilha. Toda programação é gratuita e aberta para tod@s ! Fortaleça a cena independente prestigiando sua programação. Matilha agradece !!!


---> Confira programação completa !!!

# SHOWS
13/8 - Sombra e Buia.
20/8 - Sandrão, Potencial 3 e Mr. Bomba

# PINTURAS AO VIVO
9/8 - schiavon / mzk / maroca (19h00)
12/8 - bitão / tinho / priscila príncipe (19h00)
13/8 - markone / camila cardoso (18h)


# OFICINAS
17/8 - Oficina de iniciação ao grafite, com Alexandre Keto / 19h - 21h
20/8 - Oficina de b girl com Lu Bauer / 16h.
24/8 - Oficina de rima e iniciação a produção musical, com Maioneze (SP FUNK) 19h - 21h.
27/ 8 - Oficina de confecção de bonecos de biscuit com Camila Cardoso / 16h.

WALMIR GIL - NOTAS REAIS @ MATILHA CULTURAL


O FYADUB RECOMENDA...

-----> Matilha Cultural apresenta seu novo projeto musical. Agora, quinta, é noite de jazz com gigante da música brasileira, Walmir Gil. Venha prestigiar NOTAS REAIS - WALMIR GIL CONVIDA ! Apresentação - 20h, na galeria. Entrada franca. Rua Rêgo Freitas, 542 - São Paulo, 01220-010 - (0xx)11 3256-2636 - matilhacultural.com.br


+ Walmir Gil -----> Começou a tocar trompa com 10 anos de idade, na banda de música Lira Musical Pedro Salgado, no bairro do Cambuci, em São Paulo, da qual o regente era seu avô, o Capitão da pm Sebastião Gil. Na mesma banda, mudou de instrumento e passou para o trompete. Aos 13 anos, integrou a banda Mirim de Rudge Ramos, no abc paulista.

Mudou-se para Santos e lá começou sua carreira profissional tocando em bandas de baile. Transferiu-se para São Paulo e, em razão da sua competência, passou a ser requisitado para integrar bandas com profissionais tarimbados. Assim, teve a oportunidade de tocar na banda do Maestro Branco que animava as noitadas do saudoso Operá Cabaré. Fez parte tsmbém, da banda 150 Night Club do Hotel Maksoud Plaza aonde teve a oportunidade de acompanhar respeitáveis nomes do cenário musicial mundial: Joe Williams, Benny Carter, Anita O’Day, Paquito D’Rivera, Natalie Cole, Sadao Watanabe, entre outros.

Participou de inúmeras turnês pelo Brasil e exterior, acompanhando Ce’sar Camargo Mariano, Fafá de Belém, Caetano Veloso, Djavan, Gal Costa, Orquestra Sinfonica do Estado de São Paulo nos EUA e na Sala São Paulo onde foram gravados 3CDs e 1 dvd juntamente com a Banda Mantiqueira, e muitos outros. É muito requisitado para gravações em estúdios e figura em centenas de discos dos mais respeitáveis artistas.

É bacharel em trompete, formado pelo Mozarteum Paulista. Ministrou oficinas de música, em várias oportunidades, no Festival de Inverno de Campos de Jordão, na oficina de MPB de Curitiba, na oficina de bandas de Florianópolis e Vitória. Integrante da Banda Mantiqueira (Nomeada ao Grammy 1997 CD Aldeia e Latin Grammy 2007 CD Terra Amantiquira) daqual é um dos fundadores.

Gravou recentemente, em estúdios de Londres e São Paulo, seu primeiro CD „PASSAPORTE“, que tem merecido elogios da crítica especializada.

DISQUS NO FYADUB | FYASHOP

O FYADUB | FYASHOP disponibiliza este espaço para comentários e discussões das publicações apresentadas neste espaço. Por favor respeite e siga o bom senso para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas... PS. DEUS ESTÁ VENDO!